Francisco, o Sultão e o Papa: Inspirações para uma comunicação não-violenta

Um diálogo inter-religioso

  • Rafael van Erven Ludolf
Palavras-chave: diálogo; comunicação não-violenta; Marshall Rosenberg; compaixão.

Resumo

O encontro entre Francisco e o Sultão é inspirador pois relembra que é justamente em tempos desafiadores – quando parecem recrudescer os discursos de ódio – que o diálogo se mostra essencial para construir pontes onde se fez muros. Francisco desafiou-se e foi desarmado ao encontro do outro, bestializado pelas fake news medievais. O Sultão, também envolto pelas mesmas intencionais notícias, desarmou os seus, recebeu atentamente Francisco e ambos promoveram o diálogo da Paz. E hoje, no conectado e polarizado século XXI, que recursos dispomos que podem contribuir para superar as demonizações recíprocas e promover o diálogo? Eis que surge a proposta da comunicação não-violenta, estruturada pelo psicólogo Marshall Rosenberg, baseada no estudo das religiões comparadas, na pedagogia de Paulo Freire e nas ideias de Mahatma Gandhi, cuja técnica para aprimorar relacionamentos pessoais e profissionais pode contribuir tanto para evitar e resolver conflitos como para construir relações mais saudáveis.

Biografia do Autor

Rafael van Erven Ludolf

O autor possui mestrado em Sistemas de Gestão para o Meio Ambiente pela UFF (2019). É advogado com experiência na área do Direito Animal e membro das Comissões de Proteção e Defesa Animal da OAB/RJ e OAB/Niterói. Faz parte da direção do Grupo Espírita Servidores de Jesus (Niterói/RJ) e atua como escritor e conferencista espírita.

Referências

FONTES Franciscanas e Clarianas. Tradução de Celso Márcio Teixeira. Petrópolis: Vozes, 2004.

KARDEC, A. O Evangelho segundo o Espiritismo. 72 ed. São Paulo: LAKE, 2014.

O NOVO Testamento. Tradução de Haroldo Dutra Dias. Brasília: FEB, 2013.

ROSENBERG, M. Comunicação não-violenta: técnicas para aprimorar relacionamentos pessoais e profissionais. São Paulo: ÁGORA, 2006.

XAVIER, F. C.; ANDRÉ LUIZ (Espírito). Obreiros da Vida Eterna. 45 ed. Brasília: FEB, 2013.

XAVIER, F. C.; EMMANUEL (Espírito). Livro da Esperança. 15 ed. Uberaba: CEC, 1998.


Arquivos eletrônicos
Crônica de Ernoul. Disponível em: Acesso em 15 de dezembro de 2019.

KARDEC, A. Revista Espírita. FEB. Janeiro/1859. Disponível em: Acesso em 15 de dezembro de 2019.
Publicado
09-04-2020