A vocação única (laical) do frade menor (II)

  • Walter de Carvalho Júnior Escola Superior de Teologia e Espiritualidade Franciscana
Palavras-chave: vocação franciscana; laicidade; clericalidade; clericalismo.

Resumo

O artigo identifica que há um desvio de compreensão da vocação franciscana quando considerada como possibilidade de dois caminhos: o laical e o clerical. Julgamos que há uma única vocação do frade menor, e esta é laical, ou seja, tem sua origem no batismo e não em um estatuto clerical. Nesse sentido, a princípio, não existem frades sacerdotes. Há, no entanto, frades que também são sacerdotes pois, no caso, estão em jogo duas vocações distintas e não interdependentes ou complementares. Assim o frade menor que se faz ordenar presbítero assume uma segunda vocação na Igreja, a sacerdotal, sob o status clerical. A perda de referência da única vocação franciscana leva facilmente ao clericalismo, com prejuízos para a Formação e para a animação vocacional. Para a análise, fizemos uso de documentos da Igreja e da Ordem.

Biografia do Autor

Walter de Carvalho Júnior, Escola Superior de Teologia e Espiritualidade Franciscana

O autor é frade franciscano, secretário provincial da Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil.

Referências

BOFF, Clodovis M. A dimensão da laicidade da Vida Religiosa. Revista Eclesiástica Brasileira, Petrópolis, v. 54, n. 215, p. 547-588, 1994.
CASTILLO, José Maria. O Papa Francisco e o futuro da Igreja Católica mundial. In: SILVA, José Maria (Org.). Papa Francisco: perspectivas e expectativas de um papado. Petrópolis: Vozes, 2014. p. 111-120.
CIARDI, Fabio. A vocação do Irmão a partir de uma teologia da Vida Religiosa. Convergência, Rio de Janeiro, n. 271, p. 135-149, 1994.
CÓDIGO de Direito Canônico. São Paulo: Edições Loyola, 1983.
CODINA, Víctor; ZEVALLOS, Noé. Vida Religiosa: história e teologia. Petrópolis: Vozes, 1987.
CONCÍLIO VATICANO II. Lumen Gentium. 6. ed. Petrópolis: Vozes, 1966.
CONGREGAÇÃO PARA OS INSTITUTOS DE VIDA CONSAGRADA E AS SOCIEDADES DE VIDA APOSTÓLICA. Identidade e missão do Religioso leigo na Igreja. São Paulo: Paulinas, 2016.
COSTA, Sandro Roberto da. História da Ordem Franciscana após a morte de São Francisco. (Manuscrito), Estef, 2017.
FRANCISCO, Papa. Alocução na vigília de Pentecostes com Movimentos Sociais. Roma, 18 maio 2013. Disponível em: vatican.va/content/francesco/pt/speeches/2013/ may/documents/papa-francesco_20130518_veglia-pentecoste.html.>.
Acesso em 5 jun. 2018.
FRANCISCO DE ASSIS. Testamento. In: Fontes Franciscanas e clarianas. Petrópolis: Vozes, 2004, p. 188-191.
JOÃO PAULO II, Papa. Exortação Apostólica Pós-Sinodal Vita Consecrata: sobre a Vida Consagrada e a sua missão na Igreja e no mundo. Petrópolis: Vozes, 1996.
KEARNS, Lourenço. A teologia da Vida Consagrada. Aparecida: Santuário, 1999.
KREMER, Sebastião. A identidade da Ordem dos Frades Menores (laical e clerical). Vida Franciscana, São Paulo, n. 70, p. 43-60, 1996.
LIBÂNIO, João Batista. Concílio Vaticano II: Em busca de uma primeira compreensão. São Paulo: Loyola, 2005.
MATOS, Frater Henrique. A Vida Consagrada de Irmãos. Convergência, Rio de Janeiro, n. 329, p. 53-62, 2000.
ORDEM DOS FRADES MENORES. Constituições Gerais. São Paulo: Província Franciscana da Imaculada Conceição do Brasil, 1974.
______. Constituições Gerais. Belo Horizonte: Conferência dos Frades Menores do Brasil, 2005.
______. Ratio Formationis Franciscanae. Roma: Secretariado Geral OFM para a Formação e os Estudos, 2003.
______. Ratio Studiorum OFM. Roma: Secretariado Geral OFM para a Formação e os Estudos, 2001.
SÃO BENTO. A Regra de São Bento. 2. ed. Rio de Janeiro: Lumen Christi, 1992.
SATLER, Fabiano Aguilar. Todos vós sois irmãos: Jesus, nosso irmão, e os Religiosos Irmãos na Vida Religiosa Consagrada. São Paulo: Paulus, 2015.
SHORT, Willian. Initial formation and studies for cleric Brothers and lay Brothers: some orientations on the basis of the experience and documents of the Order. In: XII Consejo Internacional para la Formación y los Estudios. La integración entre Formación e los Estudios en la Orden hoy. Murcia: Secretaria Geral OFM para a Formação e Estudos, 2008, p. 127-137.
TABORDA, Francisco. A Igreja e seus ministros. São Paulo: Paulus, 2011.
TEIXEIRA, Celso Márcio. O diaconato de São Francisco. Revista Santa Cruz, Belo Horizonte, n. 4, p. 196-197, 2005.
VIDAL, José Manuel; BASTANTE, Jesús. As mudanças (presentes e futuras) da primavera de Francisco. In: SILVA, José Maria (Org.). Papa Francisco: perspectivas e expectativas de um papado. Petrópolis: Vozes, 2014. pp. 99-110
ZUGNO, Vanildo Luiz. Religiosos leigos: quem somos?. Cadernos da Estef, Porto Alegre, n. 45, p. 115-122, 2010.
Publicado
26-11-2019